ter. ago 9th, 2022

Quinze novos casos da variante ômicron do coronavírus foram confirmados no Japão no sábado, elevando para 65 o número total de infecções no país.

O Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social do Japão declarou que foi confirmada a infecção pela variante em 13 pessoas, de adolescentes até pessoas na casa dos 60 anos de idade, que desembarcaram do exterior nos aeroportos de Haneda e Narita entre domingo e quarta-feira.

Os viajantes chegaram de Estados Unidos, Quênia, Zâmbia, Malauí, Nigéria, Tunísia, e Reino Unido, e foram diagnosticados com testes positivos em postos de quarentena dos aeroportos ou em hotéis onde permaneciam em isolamento.

Autoridades confirmaram que três das pessoas estavam vacinadas e duas outras não estavam. A situação da vacinação das oito pessoas restantes ainda é desconhecida.

Dois outros casos da variante ômicron foram registrados em Okinawa no sábado.

O governo da província informou que uma infecção foi confirmada em uma funcionária civil americana que trabalha na base Camp Hansen, de fuzileiros navais dos Estados Unidos, e seu marido japonês na faixa etária dos 60 anos.

O governo de Okinawa também informou que 158 membros do Corpo de Fuzileiros Navais que chegaram recentemente dos Estados Unidos testaram positivo para o coronavírus no decorrer dos últimos quatro dias.


Foto: Freepik