qui. out 28th, 2021
Presidente não vacinado do Brasil perde partida de futebol

O presidente brasileiro Jair Bolsonaro disse no domingo que não foi autorizado a assistir a uma partida da liga entre Santos e Grêmio porque o clube da casa não permitiu a entrada de torcedores não vacinados em seu estádio.

A partida de futebol foi a primeira do Santos com torcedores presentes desde o início da pandemia do COVID-19, mas o clube insistiu que só permitiria a entrada de vacinados ou com PCR negativo.

“Eu queria assistir ao jogo do Santos agora e me disseram que é preciso ser vacinado”, disse Bolsonaro em vídeo postado no site do portal de notícias Metropoles. “Por que?”

Bolsonaro, que se recusou a ser vacinado e encorajou outros a seguirem seu exemplo, alegou que tinha anticorpos porque já havia contraído COVID-19.

Não ficou claro se Bolsonaro, um entusiasta do futebol que passou o fim de semana perto de Santos, tentou ir ao jogo ou se sua reclamação era geral sobre a necessidade do que ele chamou de “passaportes de vacina”.

Um porta-voz do Santos disse que o clube não foi abordado pela equipe do presidente e que todos os torcedores devem seguir as normas sanitárias do país.

Mais de 600.000 pessoas morreram de COVID-19 no Brasil .