sáb. jun 25th, 2022

O governo japonês começará a fornecer a vacina AstraZeneca em meados de agosto para seis prefeituras em estado de emergência contra coronavírus.

O ministério da saúde elaborou um plano de distribuição para o primeiro lote da vacina, depois que ela foi adicionada ao programa oficial de vacinas do país na terça-feira.

O ministério planeja entregar um total de quase 2 milhões de doses em todo o país com a prioridade definida nas prefeituras de Tóquio, Kanagawa, Chiba, Saitama, Osaka e Okinawa. A vacina será entregue de 16 de agosto a setembro.

Entre as seis prefeituras, Tóquio receberá até cerca de 580 mil doses e Osaka, até cerca de 358 mil doses.

O ministério também entregará até 1.000 doses cada para outras prefeituras, a partir de 23 de agosto ou mais tarde.

A vacina AstraZeneca não será administrada a pessoas com menos de 40 anos, em princípio, devido a um risco raro de coágulos sanguíneos.

O ministério afirma que os principais alvos da vacinação serão as pessoas alérgicas a ingredientes de outras vacinas e aquelas que já receberam uma injeção da vacina AstraZeneca no exterior.

O ministério da saúde pede às autoridades da província que criem pelo menos um local de vacinação e expliquem cuidadosamente a eficácia e segurança da vacina para obter o consentimento daqueles a serem inoculados.