sáb. dez 4th, 2021
Vacina da Moderna é 94,5% eficaz contra o coronavírus

Pesquisadores japoneses descobriram que pessoas inoculadas com a vacina da empresa Moderna contra o coronavírus apresentaram sintomas de febre e dor de cabeça em maior número após a aplicação da segunda dose. Eles informaram que três entre quatro pessoas apresentaram febre.

O grupo de pesquisa do ministério encarregado da saúde analisou os sintomas em cerca de 5.200 membros das Forças de Autodefesa após a primeira dose da vacina da Moderna, e cerca de 1.000 após a segunda dose.

Após a primeira dose, 4,7% dos avaliados apresentaram um quadro de febre de 37,5 graus ou mais no dia posterior, enquanto 2,2% apresentaram febre dois dias depois. Após a segunda dose, o percentual com quadro de febre foi de 75,7% no dia posterior, e 22,3% dois dias depois.

Do mesmo modo, a fadiga foi um sintoma apresentado um dia depois da primeira dose por 20,9% dos avaliados, e por 14,1% dois dias depois. Após a segunda dose, 84,7% sentiram fadiga no dia seguinte e 47,6% sentiram fadiga dois dias depois.

Em geral, os sintomas ocorreram de modo mais frequente em mulheres do que em homens.

O grupo de pesquisa é liderado por Ito Suminobu, professor visitante da escola de medicina da Universidade Juntendo. Ito disse que as reações adversas normalmente diminuem após cerca de três dias, mas a febre pode chegar a até 40 graus.

Ito declarou que seria bom que as pessoas ponderassem requisitar uma folga de dois dias do trabalho ou da escola para repousar, especialmente após a segunda dose.