sex. jan 27th, 2023

As pessoas no Japão estão se lembrando daqueles que foram mortos há 10 anos, quando um grande terremoto e tsunami atingiu o nordeste do Japão e desencadeou uma catástrofe nuclear.

Uma cerimônia em memória nacional será realizada na quinta-feira, mas os afetados já começaram suas próprias orações.

O terremoto de magnitude 9 gerou um tsunami de mais de 10 metros de altura, matando 15.900 pessoas. Outros 2.525 permanecem desaparecidos.

Pessoas que perderam entes queridos voltaram para o oceano na manhã de quinta-feira para se lembrar deles.

Uma mulher disse: “Perdemos amigos por causa do desastre, muitas pessoas ainda estão desaparecidas. Acho que nunca devemos esquecê-los.”

Esta cidade de Ishinomaki, província de Miyagi, registrou o maior número de mortes no país, perdendo 3.971 pessoas.

Um homem de 40 anos em Ishinomaki disse: “As lágrimas começaram a fluir quando vim para esta colina e me lembrei de como fugi para cá enquanto era perseguido pelo tsunami. As casas e escolas que estou acostumado a ver desde a infância não existem mais . É triste, mas tenho que aceitar. “

Um homem da cidade de Minamisoma, na província de Fukushima, lembrou-se do dia em que perdeu seus avós. Quando as ondas começaram a chegar, ele não conseguiu chegar perto da casa que compartilhavam.

E depois, a radiação nuclear causada pelo derretimento triplo tornou impossível procurá-los.

Ele disse: “Meus avós morreram, mas eu fui salvo. Eles eram insubstituíveis e eu sou grato por terem me dado esta vida.”