sex. jan 27th, 2023

As operações do navio de cruzeiro foram retomadas no porto de Yokohama, perto de Tóquio, após uma suspensão de oito meses devido ao surto de coronavírus.

O maior navio de cruzeiro do Japão, Asuka II, deixou o porto na segunda-feira com cerca de 330 passageiros em uma viagem de ida e volta de quatro dias para o Porto de Shimizu, na província de Shizuoka.

Funcionários do porto em Yokohama interromperam as operações de cruzeiro em fevereiro em resposta a infecções em massa por coronavírus a bordo do Diamond Princess.

A operadora do Asuka II afirma ter realizado exercícios sobre como responder a infecções a bordo.

Ele também diz que reduziu o número de passageiros para menos da metade da capacidade total e que todos os passageiros foram submetidos a um teste de vírus.

Uma passageira que viaja com a mãe diz que quer seguir os procedimentos de higiene para que tenha uma viagem agradável e memorável.

O chefe da autoridade portuária de Yokohama, Nakano Hiroya, diz que as autoridades trabalharam com os operadores de navios para prevenir infecções a bordo dos navios de cruzeiro.

Chamando os navios de cruzeiro de um símbolo do porto, Nakano também disse que vai promover a retomada das operações como “um símbolo de recuperação da sociedade” do surto.

Outro navio de cruzeiro está programado para deixar Yokohama no sábado.


Fonte: NHK