dom. nov 29th, 2020

Um centro de testes de coronavírus será aberto no próximo mês no aeroporto de Narita, perto de Tóquio, permitindo aos viajantes que partem obter um certificado de resultado negativo do teste em duas horas, disseram os operadores na quinta-feira.

Duas instalações serão instaladas em 2 de novembro em dois edifícios do terminal do aeroporto, principalmente para pessoas que partem do Japão, disseram a Nippon Medical School Foundation e a Narita International Airport Corp. em um comunicado à imprensa.

O centro fará testes de reação em cadeia da polimerase, ou PCR, por uma taxa, e emitirá os certificados necessários para os pontos de destino.

Também podem ser fornecidos certificados para pessoas que tiveram resultado negativo antes de chegar ao aeroporto, desde que tragam o resultado do exame ou uma carta de encaminhamento médico.

Os testes iniciais e a publicação de certificados levarão mais de duas horas durante o mês de novembro, pois levará algum tempo para que o laboratório comece a funcionar.

“O centro será capaz de testar 700 pessoas por dia, e responderemos a novas demandas aumentando o número de médicos e enfermeiras”, disse Atsuhiro Sakamoto, chefe da fundação, em entrevista coletiva na quinta-feira.

“Apoiaremos totalmente a estrutura para as pessoas que partem do país”, acrescentou.

Não são necessárias reservas antecipadas, mas os viajantes com hora marcada podem fazer o teste e obter um certificado de 39.800 ienes ($ 380), menos do que os 46.500 ienes cobrados para aqueles sem reserva.

O centro estará aberto 24 horas, sete dias por semana, mas os testes e a emissão de certificados nas primeiras horas da manhã e à noite estarão sujeitos a taxas adicionais.

Outras pessoas que não sejam passageiros de partida também podem fazer o teste, mas aqueles com sintomas de febre ou tosse não serão aceitos.



Seikatsu Magazine Japão