qua. out 5th, 2022

Autoridades do governo japonês pretendem delinear medidas, até o final deste ano, para ajudar pessoas que precisam continuar trabalhando enquanto recebem tratamento para infertilidade.

Entre as medidas, o governo considera oferecer mais ajuda financeira para tratamentos de fertilidade. No entanto, outro desafio é que certas pessoas precisaram abandonar seus empregos devido às dificuldades de conciliar trabalho com esse tipo de tratamento.

Uma equipe composta por funcionários do Escritório do Gabinete do Japão, bem como dos ministérios da Saúde e do Trabalho, realizou, nesta segunda-feira, a primeira reunião sobre como resolver a questão.

Eles debateram a melhoria do acesso à informação e serviços de consulta para aumentar a conscientização do público sobre tratamentos de fertilidade. Também foram discutidos sistemas flexíveis de férias que permitiriam aos trabalhadores tirar folga para realizar as consultas médicas necessárias para o tratamento.


Seikatsu Magazine Japão