qua. nov 30th, 2022

Em abril, quando o estado de emergência foi anunciada devido à disseminação do novo coronavírus, constatou-se que o pagamento de horas extras por trabalhador diminuiu mais de 10% em relação ao ano anterior.

De acordo com a Pesquisa Mensal de Trabalho do Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar, o pagamento de horas extras por trabalhador em abril foi de 17.984 ienes, uma queda de 12,2% em relação ao ano anterior.

Especialmente para quem trabalha em meio período, o pagamento de horas extras diminuiu 23,1% e o salário total tem um impacto negativo de 3,9%.

A taxa de redução de horas extras por setor é, de 46,1% no setor de serviços de alimentos e bebidas; os serviços relacionados ao estilo de vida, incluindo serviços de barbeiro e de beleza, ficaram em 43,9%. Foi notável o número de indústrias que foram solicitadas a tirar folga forçada  ou diminuir o horário comercial.