sáb. jun 25th, 2022

Na Kojima Jeans Street, no distrito de Kojima, cidade de Kurashiki, província de Okayama, as máquinas de venda automática de máscaras geladas de pano de verão estão ganhando popularidade.

O ar frio não se mantém, mas é recomendável lavá-lo e reutilizá-lo. Com cores rosa, azul, verde, cinza etc; são vendidos por 400 a 850 ienes para cada tamanho e, quando as vendas são altas, são vendidas cerca de 300 peças por dia.

A máscara é feita de gaze por fora e seda por dentro, que é mais fria e menos abafada do que as máscaras comuns feitas de poliéster ou TNT (tecido não tecido).

“Shibuya Shoten” (Kojima Shitamachi 4 na mesma cidade) que lida com costura de assentos de automóveis, após receber a suspensão dos pedidos de assentos de automóvel no final de março devido à disseminação da nova infecção por coronavírus, a empresa começou a fabricar máscaras para vendas utilizando sua própria tecnologia de costura.

Mesmo após o cancelamento da declaração do estado de emergência, a linha de assentos continuava operando apenas cerca de 30%, mas devido à popularidade das máscaras, ela começou a ser fabricadas em meados de maio.

Uma mulher desempregada (83) na cidade de Kurashiki que veio comprar uma máscara disse: “Acho que vou precisar de uma máscara por um tempo, então quero algo que seja mais verão”.

O presidente Toshio Shibuya comenta: “É popular porque pode ser comprado facilmente. Continuaremos atendendo à demanda”.